Principal > Política > Notícias
Português العربية
    Tuesday, August 11, 2020
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Americano confirma ataque na cidade “Albuqmal” na Síria

 Imprimir Arabesq+Agências | 27/10/2008 A | A
Publicidade
Consciência Jeans

Fonte militar dos Estados Unidos confessou o ataque lançado por helicópteros americanos contra a região de “Albuqmal” na província Síria de “Deir Al-Zour”, próxima da fronteira iraquiana.

Segundo informações da fonte à Associated Press, a operação tinha como objetivo uma rede ligada à Al-Qaeda que ajuda no transporte de insurgência estrangeira para o Iraque.

O Ministério da Defesa iraquiano, recusou comentar o assunto, mas o prefeito, Nehlawi Farhan, da cidade “Qaim”, do lado iraquiano da fronteira, confirmou à Reuters que aviões americanos atacaram a aldeia síria.

Agências de notícia citaram depoimentos de testemunhas que informam sobre um ataque a uma residência matando um homem, seus quatro filhos e dois trabalhadores na construção civil, que estavam próximos da casa. Segundo as testemunhas, o ataque foi realizado com quatro helicópteros, dos quais dois desembarcaram 8 soldados abrindo fogo contra um grupo de trabalhadores da construção civil antes de abandonarem o espaço aéreo Sírio.

O hospital “Al-Basel”, da região atacada, recebeu sete corpos e quatro feridos, vítimas de ferimentos por arma de fogo.

O Ministério das Relações Exteriores da Síria convocou os Embaixadores dos Estados Unidos e do Iraque no país para protestar e condenar o ataque que levou à morte oito civis, entre eles crianças, responsabilizando as forças dos EUA pelo mesmo e exigindo uma investigação imediata sobre a agressão.

O Presidente da Organização Nacional para os Direitos Humanos na Síria, Ammar Qurabi, considerou a operação "um crime contra cidadãos inocentes e violação da soberania de um Estado independente", apelando a uma "ampla condenação internacional e julgamento dos responsáveis por este crime".

Nota do redator:

Tal agressão comprova o desrespeito dos Estados Unidos pelas leis de direitos internacionais, o uso de dois pesos e duas medidas diante a soberania de estados independentes e a incoerência do atual sistema político internacional regido pela impunidade de um Estado criminoso que pratica tais ataques que servem de combustível para os defensores do “terrorismo” como única alternativa na ausência de um órgão internacional que proteja estados menores de agressões estadunidenses.

Por outro lado o ataque trás graves conseqüências a nível social interno na Síria, o governo havia assumido o compromisso de responder a quaisquer ataques externos ao seu país. Desde o compromisso, já presenciamos 2 ataques diretos israelenses, um americano e diversas violações do espaço aéreo Sírio, mas a resposta foi limitada ao caráter diplomático. Tal desenvolvimento estimula o descontentamento da sociedade síria perante a reação do seu governo e fortalece as dúvidas sobre a segurança oferecida pela atual estratégia militar do país.

 Imprimir
No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq
Veja Também

+ Populares

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.