Principal > Política > Notícias
Português العربية
    Wednesday, July 08, 2020
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Conselho de Segurança prorroga mandato das forças de paz no Líbano

 Imprimir Agências | 28/08/2008 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

O Conselho de Segurança da ONU prorrogou, nesta quarta-feira, o mandato das forças de paz no Sul do Líbano por mais um ano.

Israel e Líbano congratularam a decisão unânime do Conselho, mas trocaram acusações de violação à resolução da ONU que implementou o cessar-fogo depois da guerra ha dois anos entre o Estado judeu e a resistência libanesa, Hezbollah.

A prorrogação do mandato dos 13000 membros da missão de paz no sul do Líbano é até 31 de Agosto de 2009. O Conselho de Segurança apelou a todas as partes para que respeitem o cessar-fogo e para que cooperem com as Nações Unidas para alcançar uma solução a longo prazo.

Troca de acusações

Daniel Carmon Embaixador israelense Adjunto afirmou que havia uma "presença maciça de elementos armados do Hezbollah ... tanto ao norte quanto ao sul do rio Litani" e uma "contínua transferência de armas por parte do Irã e da Síria para o Hezbollah", em "violação flagrante" da Resolução 1701.

Mas o embaixador libanês Nawaf Salam disse que era Israel que estava violando diariamente o espaço aéreo libanês, se recusa a entregar os mapas das bombas de fragmentação que deixou no Líbano e não se retira de  territórios ocupados.

Oficiais da UNIFIL (Força Interina das Nações Unidas no Líbano) dizem que não estão habilitados a desarmar o Hezbollah, nem podem parar os vôos israelenses que violam a soberania do Líbano.

 Imprimir
No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq
Veja Também

+ Populares

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.