Principal > Política > Notícias
Português العربية
    Tuesday, July 14, 2020
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Exército israelense acusado de queimar exemplares do Alcorão

 Imprimir AFP | 26/10/2010 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

Uma palestina acusou nesta segunda-feira o Exército israelense de queimar dois exemplares do Alcorão durante a prisão de seu marido na região de Jayyus, no norte da Cisjordânia.

Consultado pela AFP, o Exército israelense não reagiu a estas afirmações.

Sahar Beida, de 40 anos, explicou à AFP que militares israelenses que realizaram a prisão de seu marido Ismail na noite de domingo queimaram dois exemplares do Alcorão após confiná-la em um quarto com sua filha.

"Quando saí, vi nossos dois exemplares do Alcorão na entrada, queimados", afirmou.

"Pegaram os livros de nossa casa e os queimaram do lado de fora", disse.

Um fotógrafo da AFP viu os restos carbonizados dos livros sagrados em uma visita à casa da mulher.

Os muçulmanos consideram que o Alcorão agrupa as revelações transmitidas por Deus ao profeta Maomé através do arcanjo Gabriel durante um período de 23 anos, até sua morte.

 Imprimir
No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq
Veja Também

+ Populares

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.