Principal > Política > Notícias
Português العربية
    Thursday, February 27, 2020
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Anônimos desafiam ministro israelense e picham nomes de cidades em hebraico

 Imprimir Arabesq | 16/07/2009 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

Da Redação

Desconhecidos desafiam a decisão do ministro israelense Yisrael Katz de mudar os nomes das cidades árabes na Palestina para nomes em hebraico, e mudam novamente nomes de placas de transito na Cisjordânia por seus nomes originais em árabe.

Na placa encontrada pela equipe da al-arabiya, o nome da cidade de Aka escrito como Ako, da forma que é chamada em hebraico, foi pichado mantendo o nome original em árabe. O ato é o inverso do que preconiza o ministro israelense e pode ser um sinal para o surgimento de um novo tipo de resistência em que é disputada a nomenclatura das cidades dos territórios ocupados por Israel.

A polêmica decisão do ministro israelense tem motivação racista e dificulta ainda mais a convivência e a aproximação entre árabes e israelenses, afirmam autoridades palestinas.

Historiadores árabes pediram que a sociedade palestina se organize para acompanhar o desenvolvimento e a implementação da nova medida do governo israelense, e que faça manifestações para impedir a adulteração da história e da identidade original das cidades.

Os especialistas ainda recomendam que os palestinos com nacionalidade israelense nomeiem as ruas de suas aldeias e cidades com nomes tradicionais das culturas árabe e islâmica, e que divulguem os nomes para se tornarem populares e tradicionais dentro da sociedade. Impedindo assim que as estratégias israelenses tenham êxito em apagar a identidade árabe dos territórios palestinos ocupados.

Nessa segunda-feira o ministro israelense dos Transportes, Yisrael Katz, do partido Likud, decidiu apagar os nomes originais das regiões árabes ocupadas em 1948 e as re-nomear com os nomes em hebraico.

Com al-Arabiya

 Imprimir
No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq
Veja Também

+ Populares

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.