Principal > Política > Notícias
Português العربية
    Wednesday, November 25, 2020
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Magnata egípcio teria oferecido USD 700 milhões para escapar da pena de morte

 Imprimir Arabesq | 02/07/2009 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

O magnata egípcio do setor imobiliário e figura ilustre do partido no poder, Hicham Talaat Mustafa, pode pagar até 700 milhões de dólares para aliviar pena de morte pelo assassinato da cantora libanesa Suzanne Tamim, de 30 anos, com quem teve um relacionamento paralelo.

A cantora libanesa Suzan Tamin foi encontrada morta em julho de 2008 em um apartamento em Dubai, onde viveu 8 anos. Ela foi esfaqueada e seu rosto foi desfigurado.

As investigações levaram ao envolvimento do empresário egípcio com quem a cantora teria se desentendido após um relacionamento, por crise de ciúmes e possível traição.

Sozann TameemHicham teria presenteado a cantora com um apartamento em Dubai, ao mesmo tempo em que planejava o seu assassinato contratando Mohsen al-Sukkari por dois milhões de dólares para matar Suzanne Tamim.

Em um julgamento que causou furor no mundo árabe, principalmente no Egito e no Líbano, Hicham foi condenado à morte, diante da sua esposa que desmaiou ao ser anunciado o veredicto de que o empresário será enforcado como mandante do crime junto ao executor do mesmo.

Desde então a família do empresário realizou diversas manobras para tentar aliviar a pena, chegando a ameaçar o futuro de milhares de trabalhadores nas empresas do magnata caso a pena seja executada, e mais recentemente sugeriu que pagaria um tributo chamado de “Dia” para compensar a perda dos pais da cantora, em troca da mudança da pena.

Segundo fontes da mídia local, as negociações estariam acontecendo em Beirute no Líbano entre o pai da cantora e um representante do empresário condenado. As mesmas fontes alegam que o valor oferecido pelo empresário Hicham já teria ultrapassado os 700 milhões de dólares para obter o perdão da família da Suzanne Tamimi, e com isso convencer o Mufti do Egito, a autoridade religiosa muçulmana que avaliza as condenações à morte, a recomendar ao tribunal a redução da pena.

Membros da família do empresário não confirmam as notícias e alegaram desconhecer quaisquer negociações sobre o caso.

A cantora tornou-se popular no Líbano depois de vencer o prêmio do programa de TV Studio Al Fan. Desde então, ela gravou dois discos, consolidando a fama em seu país.

Com Al-Arabiya

 Imprimir
No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Hicham Talaat Mustafa aguardando o veredcto. Hicham Talaat Mustafa aguardando o veredcto.
Rádio Arabesq
Veja Também

+ Populares

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.