Principal > Política > Notícias
Português العربية
    Sunday, September 27, 2020
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Líbano liberta oficiais suspeitos pela morte do Hariri

 Imprimir Arabesq | 29/04/2009 A | A
Publicidade
Consciência Jeans

As autoridades do Líbano libertaram nesta quarta-feira quatro generais libaneses suspeitos de envolvimento na morte do ex-premiê libanês Rafik Hariri, há cerca de quatro anos.

A medida segue determinação do Juiz Daniel Francine do Tribunal Especial para o Líbano, em Haia, na Holanda, dois dias depois de um promotor responsável pelas investigações, Daniel Bellemare, anunciar que não havia provas contra generais Mustafa Hamdan, Jamil Sayyed, Ali Hajj e Raymond Azar. Francine afirmou ter tomado a decisão com base nos artigos 62 e 68 da Lei do Tribunal de Justiça, que impedem a detenção de suspeitos mais de 90 sem acusação formal.

Os militares soltos chefiavam as quatro maiores agências de inteligência e segurança do Líbano na época do atentado à bomba que matou Hariri e seus guarda-costas em Beirute em fevereiro de 2005. Eles estavam presos há quase quatro anos, sem acusações formais, na maior prisão do Líbano, em Roumieh, ao norte de Beirute.

Segundo fontes, a Libertação dos generais pode afetar significativamente os resultados das próximas eleições parlamentares no Líbano, previstas para Junho de 2009, já que atinge diretamente a credibilidade do bloco governista, defensor da prorrogação das prisões, e acusado de politizar a questão do assassinato pelo bloco opositor liderado pelo Hezbollah de Hassan Nasrallah e pela Corrente Nacional Livre de Michel Aoun. Mas os governistas, liderados por Saad Hariri, discordam de possíveis conseqüências negativa, afirmando que a decisão do tribunal só reforça a credibilidade e a imparcialidade do mesmo e de seus idealizadores.

 Imprimir
No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq
Veja Também

+ Populares

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.