Principal > Economia > Notícias
Português العربية
publicidade
    quinta-feira, 15 de novembro de 2018
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


US$ 2 bi dos Emirados Árabes na EBX

 Imprimir Arabesq | 30/03/2012 A | A
Publicidade
Consciência Jeans

Rio. A Mubadala, empresa estatal de investimentos dos Emirados Árabes Unidos, vai desembarcar no Brasil com recursos vultosos para associar-se a Eike Batista. O novo sócio investirá US$ 2 bilhões no grupo EBX, controlado pelo empresário, em troca de uma participação de 5,63% na companhia.

No anúncio, feito ontem, a EBX informou que o objetivo do acordo é fortalecer suas finanças e ganhar cacife para apostar em novos negócios. Eike não revela exatamente o destino do reforço financeiro feito pelos novos sócios. "Posso usar (o montante) como quiser", disse o executivo. Ele revelou, no entanto, que os novos projetos no radar da EBX pesaram para o sócio estrangeiro fechar a parceria. "Temos no nosso pipeline uma mina de ouro que é enorme e temos a REX, que também é gigante", disse o executivo sobre duas de suas empresas ainda não listadas em bolsa. Ele reafirmou também o interesse de entrar em fertilizantes.

Credibilidade

Analistas viram o movimento como um sinal de que o mercado passa a dar mais credibilidade às companhias de Eike, que já foram chamadas de "empresas de papel" por terem suas carteiras formadas praticamente por projetos que ainda não estavam em pé. "A operação traz credibilidade aos projetos da EBX. É sempre importante ter um investidor desse porte", avalia o analista Rafael Andreata, da Planner Corretora. "É um fundo de pessoas que entendem muito da indústria de petróleo fazendo um aporte num grupo que tem como principal empresa a OGX. Vejo esses pontos como positivos", complementa. Com o aporte bilionário, o sócio estrangeiro terá participação indireta nas empresas do grupo EBX listadas em bolsa, entre as quais a OGX (óleo e gás) e a OSX (construção offshore), e nas de capital fechado, como REX (mercado imobiliário), a AUX (mineração de ouro) e IMX (entretenimento).

No comunicado distribuído à imprensa, a Mubadala também revela estar de olho em novos negócios que a EBX venha a desenvolver no segmento de tecnologia. Nessa área, além de uma parceria com a IBM na empresa SIX, Eike também pretende investir em uma fábrica de telas de LCD para tablets e televisões em Minas Gerais, em sociedade com a gigante taiwanesa Foxconn.

Depois da entrada do sócio árabe no capital da EBX, Eike não pretende levar as ações de sua holding à bolsa. "Não quero e não vou fazer", declarou, categórico. "Eu prefiro abrir o capital da REX, AUX e SIX", explicou o empresário.

Aplicação


"Posso usar o montante como quiser, temos uma mina de ouro que é enorme e temos a REX, que também é gigante"
Eike Batista
Sócio da EBX

 Imprimir

No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

Países Árabes
<
Arábia Saudita Argélia Bahrein Catar Djibouti
Egito Emirados Iémen Ilhas Comores Iraque
Jordania Kuwait Líbano Líbia Marrocos (em construção)
Mauritania (em construção) Omã Palestina (em construção) Síria Somália
Sudão Tunísia
VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS
Taxas

Moedas

Compra

Venda

Dinar Argelino

62.85

62.96

Dinar do Bahrein

0.37

0.37

Dinar Iraquiano

1,197.60

1,198.60

Dinar Jordaniano

0.70

0.701

Dinar Kuwaitiano

0.27

0.27

Dinar Líbio

1.19

1.19

Libra Sudanesa

2.05

2.06

Dinar Tunisiano

1.17

1.17

Dirham EAU

3.67

3.68

Dirham Marroquino

7.29

7.36

Franco Comorense


Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.